TRE do Mato Grosso mantém projeto de alfabetização para comunidade



SOLETRE

SoleTRE oferece alfabetização solidária a jovens, adultos e idosos que não tiveram a oportunidade de aprender a ler e escrever

Nem mesmo a pandemia de Covid-19 foi capaz de interromper o projeto criado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) para alfabetizar cidadãos que não tiveram a oportunidade de aprender a ler e escrever. Trata-se do SoleTRE, criado em 2019 para oferecer alfabetização solidária a jovens, adultos e idosos.

Diante do distanciamento social imposto pelas medidas sanitárias, os professores gravaram os conteúdos das aulas em diversos vídeos que foram enviados aos alunos por meio do aplicativo de mensagens WhatsApp. Foi criado um grupo exclusivamente para compartilhar informações entre mestres e aprendizes. 

“A pandemia não impediu que as pessoas continuassem estendendo às mãos, ajudando o próximo”, ressalta o corregedor regional eleitoral de Mato Grosso, desembargador Sebastião Barbosa Farias.

Desde a criação, a iniciativa já beneficiou quase 100 pessoas, promovendo a inclusão social, despertando a cidadania e reduzindo o percentual de eleitores analfabetos. 

Veja mais